Maragogipinho volta a receber o Feira Artesanato da Bahia

Decorativas e utilitárias, as famosas cerâmicas criadas pelas artesãs e artesãos de Maragogipinho, distrito de Aratuípe, serão destaques na Feira Artesanato da Bahia, nos dias 30 e 31 de julho, das 10h às 17 horas, na Praça da Matriz. O maior centro oleiro da América Latina, Maragogipinho também vai ganhar a Sala do Artesanato, no dia 29/07, às 15h, uma ação do projeto de desenvolvimento de comunidades e será utilizada para ministrar cursos e oficinas para o aprimoramento de artesãos. A programação da feira conta ainda com muitas atrações culturais, como apresentação de filarmônica, shows, capoeira e lançamento de livros.

Esta é a segunda edição do evento no polo ceramista, que se destaca pela população composta, na maioria, de artesãs e artesãos. Nos estandes das feiras poderão ser encontradas peças grandes, as louças de barro, como potes (porrões), talhas, boi-bilhas, panelas, vasos, pratos, corbélias, esculturas e moringas, entre outros. Entre as peças pequenas, o destaque fica para as de caráter decorativo.

São características marcantes da cerâmica de Maragogipinho os desenhos de influências indígenas, geométricas e florais, criados pela pintura artesanal em tauá, pigmento natural de argila de aspecto vermelho, e tabatinga, de tom branco. Utilizada desde o século XVIII, a modelagem manual ganhou técnicas mais avançadas com a utilização de tornos manuais e elétricos, e moldes.

Os visitantes poderão adquirir os produtos artesanais apresentados diretamente pelos produtores, dialogar e interagir sobre a riqueza dos processos produtivos. Nos diversos estandes, estará representado o artesanato local, do polo 01, dos territórios de Salvador, Recôncavo e Baia de Todos os Santos.

“Com alegria retornamos a Maragogipinho, dando continuidade à missão de promover e divulgar este imenso celeiro da produção artesanal de cerâmica que o faz reconhecido em toda a América Latina. Desta vez, além da Feira, vamos anunciar um conjunto de ações de qualificação, assistência técnica, impulso à comercialização, preservação das tradições e fortalecimento das comunidades artesanais”, conta Ângela Guimarães, coordenadora de Fomento ao Artesanato da Setre.

A realização da Feira Artesanato da Bahia é uma iniciativa do Governo da Bahia, por meio da Coordenação de Fomento ao Artesanato da Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre), em parceria com a Associação Fábrica Cultural. O evento conta com a parceria da Prefeitura de Aratuípe e apoio da TV Bahia e Correio.

MARAGOGIPINHO

Distante 71 km de Salvador pela BR-101, o famoso distrito de Aratuípe tem uma população aproximada de 3 mil habitantes (dados de 2010), a maioria composta por artesãos da cerâmica. As dezenas de olarias locais são responsáveis pela grande produção de cerâmica, uma herança familiar que atravessa gerações.

SERVIÇO:

FEIRA ARTESANATO DA BAHIA – MARAGOGIPINHO

Datas: Dia 29 de julho – Inauguração da Sala do Artesanato 

Hora: às 15h

Dias 30 e 31 de julho – Feira aberta ao público

Hora: Das 10h às 17h

Local: Praça da Matriz

Entrada Franca

Este site usa cookies para melhorar a sua experiência.