Trilha da Cidadania

O projeto promoveu a inclusão socioprodutiva de jovens na faixa etária de 16 a 24 anos, através de ações integradas para formação e qualificação profissional.

A ação realiza qualificação técnica de jovens nas áreas de estamparia, design gráfico, criações em costura, produção cultural e manutenção de micro e rede numa abordagem metodológica que discutia as questões da contemporaneidade, tendo como eixos norteadores a participação juvenil, a sustentabilidade e cidadania.
Na Trilha da Cidadania teve apoio da Secretaria da Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social, antiga SEDES, entre 2010 e 2013.
O Projeto atendeu cerca de 1.500 jovens oriundos de escolas públicas e em situação de vulnerabilidade, em sua maioria, moradores da Península de Itapagipe.

Objetivos

  • Estimular os jovens beneficiários a permanência e elevação da escolaridade;
  • Reduzir o quadro de carência no campo social e cultural dos estudantes de baixa renda;
  • Oportunizar a qualificação profissional, voltada para a inclusão social de jovens no mundo do trabalho e para o acesso a novas tecnologias;
  • Estimular o surgimento de líderes empreendedores;
  • Incentivar o jovem protagonista, na perspectiva de geração de trabalho e renda;
  • Promover a qualificação profissional de Jovens Beneficiários;
  • Promover o acesso a processos criativos, estimulando assim o desenvolvimento de talentos;
  • Criar ambiente onde os jovens se comprometam com a aprendizagem uns dos outros e participem desta de maneira empreendedora e cooperativa;
  • Envolver, indiretamente, as famílias dos jovens, no processo de atendimento e assistência psicossocial e socioeconômica, com vistas a ampliação de renda familiar e acesso a novas tecnologias.
  • Potencializar a atuação do jovem como Agente de Desenvolvimento Social e Comunitário, fortalecendo os vínculos familiares, escolares e comunitários;
  • Promover a inclusão social através da inserção sócio produtiva de forma digna;
  • Desenvolver o pertencimento étnico-racial dos jovens, valorizando sua trajetória de vida e elevando sua autoestima;
  • Incentivar a ampliação da escolaridade do jovem oportunizando a convivência direta com a comunidade universitária;
  • Prestar assistência técnica aos jovens protagonistas, na perspectiva de orientação vocacional tornando dessa maneira a geração de trabalho e renda um resultado natural do processo;
  • Envolver, as famílias dos jovens, através de ações sócio educativas integradoras.
Seja um parceiro deste projeto

ODS's

Este site usa cookies para melhorar a sua experiência.